Sesshoumaru

Membro de Honra
  • Total de itens

    1.273
  • Registro em

  • Última visita

Sobre Sesshoumaru

  • Rank
    Eternal Solitude
  • Data de Nascimento 11/06/94

Informações de Perfil

  • Gênero
    Masculino
  • Local
    Nove Províncias
  • Interesses
    Muitas coisas

Últimos Visitantes

3.607 visualizações

Histórico de Nome de Usuário

  1. Tem tantos que podiam ser refeitos ou ter remake, mas vou citar só 3 Fate Stay Night 2006: Essa versão do estudio Deen foi o primeiro anime de fate e é bem importante na historia ate pelo que veio acontecer depois com toda a franquia, contudo, no entanto, todavia, o plot desse anime era pra ser a rota fate (a da Saber), mas acabou que na metade pro final começaram a fazer uma misturada danada na historia, a animação dele é bem inferior aos dos animes da Ufotable, enfim, com o sucesso atual da franquia eu queria muito que animassem novamente a rota da Saber, dessa vez com a animação melhor da Ufotable e com a historia certa. Tsukihime: Outro anime da type moon que envelheceu bem mal, ele conta a historia das varias heroínas na VN, mas igual aconteceu em fate, a historia delas se misturam e acaba ficando muito confuso. Tem uma conversa de anos que o anime de Tsukihime vai ter um remake feito pela Ufotable, mas essa conversa tem uns bons anos já, a primeira vez que eu lembro disso foi em 2014/2015 e desde então não se tem mais noticia alguma, só espero e torço pra que um dia Tsukihime tenha o remake que ele tanto merece. Slam Dunk: Slam Dunk já tem um anime feito nos anos 90, o problema é que ele envelheceu muito mal, tem um monte de filler é o mais importante, não conta o que aconteceu no final do manga, aquela épica partida final nunca aconteceu nesse anime, sad. A esperança agora é que o manga vai voltar a ser lançado ou pelo menos vai ter algumas coisas novas, tomara que o manga faça sucesso novamente e resolvam fazer um remake desse anime, lembrando que Slam Dunk era um dos mais mangas mais populares da sua época, ele, Yu Yu Hakusho e Dragon Ball eram os mangas mais populares da Jump, ele foi muito importante para ajudar a popularizar o basquete para uma geração inteira de japoneses, tem personagens inspirados em jogadores reais dos anos 90 e a historia é muito boa, quem não conhece eu recomendo muito que de uma olhada, mas veja o manga kkkk.
  2. Não seja igual a mim

    Minha ideia funcionou bem, consegui manter a ofensiva e me defendi relativamente bem dos ataques do sensei, ele só pareceu um pouco decepcionado com o fato de eu não ter usado shirikens no meu katon, vou me lembrar bem disso, na próxima vez, eu vou seguir a sua sugestão. Agora era a hora do desafio final para dominar essa técnica, tenho que me concentrar mais do que nunca ou todo esse treinamento terá sido em vão. Mais dois clones chegaram para ajudar o sensei, formando um trio de respeito, apesar de já ter visto isso desde o inicio, só agora reparei que o sensei gosta muito dessa técnica de clones das sombras, ele esteve usando ela ate agora, só espero que ele não resolva fazer mais clones... Ao redor da área haviam arvores, eu posso usar elas para me esconder e criar um contra ataque melhor. Dois dos clones das sombras vieram em minha direção, sem dizer nada, eu tenho apenas que derrota-los. A mesma ideia de antes não vai funcionar imagino, tenho que ver ideias alternativas, por mais que o jutsu da cortina de fumaça pareça bom, vou tentar um katon, esse porem, é diferente do anterior. - Podem vim, só tomem cuidado para não acabarem virando churrasco - Gritei para os três enquanto faço os selos de mão do jutsu Katon: Kaen Senpū, minha ideia é criar um tornado de chamas e depois lançar o ataque na direção das duas copias que estão vindo, mas dessa vez, vou jogar algumas shurikens no mar de chamas na direção do clone que ficou na retaguarda, eles vão ter que se defender dos golpes, com essa distração, vou em direção a floresta que está do lado do sensei para me esconder. Se tudo estiver ok, empunhar um kunai e fazer um ataque surpresa pelas costas do sensei da retaguarda, caso ele jogue shurikens ao perceber minha presença, vou arremessar as minhas shurikens para me defender do ataque. Para acabar com os outros dois clones, vou lançar um jutsu bola de fogo nos dois, só tenho que ter cuidado para esquivar ou me defender de qualquer ataque de longa distancia que possa vir em minha direção.
  3. [Loser's Town] Segunda Dose

    Com meu guarda chuva servido bem como escudo, consegui facilmente me proteger dos disparos dos marinheiros, enquanto um deles se preparava para recarregar, eu vi que era o momento certo de acabar com aqueles dois e assim fiz, tudo ocorreu com certa normalidade, eles não era fortes os bastante para estender essa luta muito tempo. Com o caminho livre e sem ameças por perto, sigo em direção a ruivona e o resto do grupo, os três pareciam bem, Stella estava suja de sangue, mas nada muito preocupante, nesse momento a sua prioridade era dar as ordens sobre quais serão os próximos passos. - Estou bem sim Yumi, vejo que vocês estão bem também, fico feliz em saber disso, vamos para o que mais interessa agora! - Falei para o trio. Os minions haviam sido derrotados, quem restava agora era só o elfo ruivo mentiroso, era hora de um acerto de contas. - Eu tenho algo a perguntar, Sayaka está realmente segura? Amami saiu por ai com ela e não sei se Boggart vai tentar alguma coisa, melhor não arriscar - Falei para a rainha de espadas, depois do aconteceu recentemente, tudo é possível. A outra questão era mais complexa, eu quero lutar contra o elfo ruivo não importa o que aconteça, Yumi sugeriu que Kobayashi fosse lutar com ele e eu ate entendo o seu ponto, mas a questão aqui é que eu fui enganado varias vezes por Boggart, não posso simplesmente deixar tudo isso de lado agora em prol de uma suposta vantagem. eu mesmo quero matar ele, eu já levei isso para o lado pessoal. - Eu entendo o povo de vista de Yumi, mas eu quero lutar com Boggart, fui enganado varias vezes por ele e agi como um idiota... Vou matar ele na primeira chance que eu tiver! - Falei para o grupo, espero que eles entendam o que eu quero dizer. O senpai vai ficar no comando do nosso grupo, já gostei dessa noticia, ele pode ser um caçador bem explosivo, mas é forte e confiável em batalha, eu acharia muito pior ter que ir por ai num grupo liderado por Amami. A garota loba deu mais um de seus "presente" dessa vez foi uma pulseira de lã, como eu já sei bem como seus poderes funcionam, apenas coloquei no meu braço sem questionar muito, por outro lado, Kobayashi parecia bem feliz com a sua faixa escolar. - Yare Yare senpai, você realmente ficou parecendo o presidente do conselho escolar agora, fiquei ate nervoso de estar tão perto assim de uma autoridade - Falei para ele em tom de brincadeira, vai ver essa é a famosa calmaria antes da tempestade que dizem por ai. - Boggart é um delinquente ruivo que traiu todas as escolas, ele fingiu ser um dos nossos melhores estudantes para depois se mostrar um dos maiores delinquente, resumindo, ele enganou a todos nós e vai morrer por isso, tome cuidado com ele senpai e não deixe ele te enganar - Falei para Koba, ate esqueci que ele ainda não viu nosso amigo elfo, pelo panorama que eu dei, isso deve ser o bastante pra fazer o senpai querer explodir ele. Agora é só esperar e ver qual caminho seguir com Yumi e Kobayashi.
  4. Não seja igual a mim

    Acabei me dando bem mal no meu movimento, fui atingido em cheio pelas shurikens e pelo ataque do sensei, por sorte, já estou bem acostumado a levar golpes assim e apesar da dor e dos ferimentos, não tem muita coisa que eu possa reclamar. Vou começar tirando os projeteis que ainda estão cravados no meu corpo e pensar melhor no que o sensei disse. Minha vontade agora é de largar tudo isso e ir simplesmente sair jogando bolas de fogo em tudo que tiver pela frente, contudo, o objetivo aqui não é esse, tenho que dominar essa técnica. Antes de começar um novo ataque, tenho que me lembrar que o objetivo aqui é melhorar as minhas respostas ao ataque inimigos, sejam eles físicos ou por projeteis. - Mais um vez sensei! - Falei para ele, teoricamente posso fazer esse primeiro ataque do jeito que eu quiser, o sensei vai se defender e me contra atacar, assim como é pra ser a técnica, eu posso fazer um primeiro ataque que seja mais meu estilo, depois que o sensei contra atacar, eu me defendo dos seus golpes, a principio parece um bom plano. Vou começar a fazer os selos de mão e lançar um Katon: Hōsenka no Jutsu na direção do sensei, na verdade esse jutsu é apenas para o distrair, enquanto ele esquiva das chamas, vou aproveitar essa brecha para me aproximar dele mais uma vez, dessa vez com mais cuidado, caso ele repita um ataque com shurikens, vou pegar as minhas shurikens para me defender, para não repetir meu ultimo erro, como vamos estar mais perto, vou ficar segurando uma kunai com minha mão esquerda "Use seus projeteis de acordo com a sua resposta fisica" Ele me disse, vou usar essa kunai para me defender de algum possível ataque surpresa que possa vim do sensei, se ele apenas tentar ataques de taijutsu normais, vou me defender e depois contra atacar tentando o acertar com a kunai, como se fosse uma faca ou com algum chute.
  5. Não sei de nada...

    - Pois é, eu fui jogado aqui no mundo humano do nada - Falei para a garota de cabelo rosa. Não era bem do nada na verdade, mas não posso falar sobre a guerra civil na SS e como isso gerou instabilidade na sociedade das almas. - Um hollow? Isso está ficando cada vez mais complexo, faz muito tempo que não tenho problemas com hollows - Conclui, tudo estava muito estranho, não sei bem o que se passa nesse hotel, eu vim atrás de um shinigami, encontrei uma humana e agora tem um hollow, só falta aparecer um quincy para completar a festa. Enquanto eu sigo a fullbringer, que por acaso foi bem simpática na sua apresentação, ela se chama Yuiko, vendo isso, acabei de notar que nem me apresentei pra ela, uma verdadeira falta de educação da minha parte - Prazer Yuiko, meu nome é Yan Fuyuki e atualmente sou 3° posto da Rokubantai - Falei. O estranho desse hotel é que as escadas foram mudando conforme avançamos pelo nosso caminho, depois de andar um pouco, Yuiko acabou falando que ali era a saída, como estou bem perdido por aqui, vou confiar na sua intuição, ela deve saber o que está fazendo, ao contrario de min. - Vamos lá - Concordei com a ideia da garota. - Na verdade nem eu sei direito, me jogaram aqui nessa missão não sei porque... Como eu disse antes, eu sou o 3° posto da divisão, vai ver eles acham que essa missão é complexa demais pra os outros resolverem, ao mesmo tempo que não conseguiram mandar a tenente ou o capitão, acabou sobrando pra min, pelo menos é o que eu acho . - Expliquei para ela. - Já você, o que faz por aqui? E tem mais uma coisa, o alto escalão da SS declarou guerra aos humanos, não sei se você sabe disso, de qualquer forma, não se preocupe comigo, eu não ligo para esse tipo de intriga politica, só vim fazer a missão e ir embora. - Avisei a Yuiko, não quero que ela seja pega de surpresa nessa guerra contra o mundo humano, pelo menos vou deixar ela ciente da situação.
  6. [Loser's Town] Segunda Dose

    Meu ataque em conjunto com Yumi funcionou muito bem, os atiradores de elite já não eram mais uma ameaça tão perigosa no campo de batalha, a maioria dos snipers foi neutralizado, no meio dessa confusão, acabei virando o alvo principal dos marinheiros e vários tiros foram disparados em minha direção, consegui desviar de alguns, outros me atingiram, o que seria um problema se não fosse a lã de Yumi, os tiros foram em parte absorvidos pela lã e acabei sofrendo só com o impacto, não teve perfuração, os locais atingidos ficaram doloridos, mas nada que eu deva me preocupar, já passei por situações piores. Na trincheira agora só tinha dois marinheiros, um tinha um facão e outro, uma pistola. O homem com o facão foi atingido pelo meu ataque e teve logo sua barriga cortada, fazendo com que o mesmo recuasse, ele não deve ser um problema por enquanto, sendo assim, vou me concentrar no pistoleiro. O atirador se preparava para disparar em minha direção, sendo assim, vou abrir o guarda chuva completamente, formando um escudo, sob a proteção do escudo, vou avançar em direção ao marinheiro, a sua pistola não deve ser capaz de causar grandes danos a Myriad, só preciso chegar perto o bastante para fazer o meu ataque. Quando eu estiver a dois metros do homem, vou usar meu Yamatsunami para acertar sua cabeça e terminar logo com isso, não quero prolongar muito meu tempo aqui, os outros podem precisar da minha ajuda. Concluindo esse ataque, vou disparar uma rajada de tiros no marinheiro com facão para matar ele, se a área ao redor estiver "limpa" vou ver como Yumi, Koba e a ruivona estão, se um deles precisar de ajuda, posso ir ate lá e aproveitando a situação, vou dar uma boa olhada no campo de batalha, para avaliar melhor como tudo está.
  7. Não seja igual a mim

    Apesar da minha empolgação inicial, a diferença entre o meu nível para o do sensei ficava evidente a cada sequencia de movimentos, fui lembrado durante os ataques que essa técnica é bem fluida e versátil, como a própria água, se eu quiser dominar os movimentos, tenho que me sair melhor na defesa e na variação dos ataques, usando socos, chutes e ate armas. Como estou em desvantagem, vou tentar uma nova estrategia. Uma das mãos do sensei está oculta, com certeza ele segura uma kunai ou shuriken com ela, fora isso, tenho que me preocupar com seus ataques normais, na minha outra investida vou tentei ir para cima dele de uma vez, dessa vez será diferente. Pra começar vou pegar na minha mochila ninja algumas shurikens e as atirar na direção do sensei, como uma distração, em seguida, vou aguardar o seu ataque, para só então avançar e dar uma sequencia de chutes nas suas pernas, meu maior cuidado é evitar os ataques do sensei, ao mesmo tempo que vou ataca-lo, a dança da água não é uma técnica só defensiva, tenho que lembrar disso.
  8. Não seja igual a mim

    O sensei já me avisou que o treinamento sera bastante duro, mas ao invés de ficar desanimado, fiquei foi com mais vontade de aprender a dança da água, sei que no futuro ela será bem útil. - Vamos lá, estou pronto! - Falei para o sensei, o treinamento vai ser uma troca intensa de golpes pelo que eu estou vendo. Como não quero perder mais tempo, me concentrei no que estava fazendo e sai a toda velocidade para cima do sensei, meu primeiro ataque foi uma sequência de socos, como eu sei que essa técnica é defensiva também, vou me preparar para tentar desviar de qualquer possível golpe que possa vim em minha direção.
  9. [Loser's Town] Segunda Dose

    Minha série de ataques teve o efeito desejado e um grande numero de marines caiu com o poder elétrico do meu raio, as bolas de fogo tostaram algumas pessoas, mas a maioria ficou viva, por enquanto. O aviso da garota kemono fez mais sentido do que nunca, na verdade, foi exatamente igual quando vi o senpai lutar pela primeira vez, ele saiu explodindo tudo na sua frente, claro que os ataques causaram um grande estrago na marinha, mas em compensação, vários pets de Yumi foram pegos pelos destroços das explosões. Se eu quiser ficar inteiro, a melhor opção parece ser evitar ficar perto de Kobayashi se for possível, claro que vou ajuda-lo se assim for necessário, só não quero ser explodido por acidente. - Tomem cuidado com Koba, como viram, sua força pode ser perigosa demais - Alertei ao grupo da ruivona e a Yumi, que tenho certeza que já sabe disso. A batalha mal começou e já estava uma bagunça completa, as formações dos dois exércitos já estava quebrada, se Stella ou o comandante da marinha tinham planos, eles foram estragados por isso. Antes que pudesse responder ao soldado que falou, ele acabou levando um tiro e imediatamente caiu morto no chão, os culpados, atiradores de elite. Os principais alvos eram: Stella, Yumi e eu, melhor ir cuidar disso logo antes que vire um problema maior, a ruivona está ocupada lutando, mas Yumi pode me dar cobertura graças a sua melhor visão do campo de batalha, com ela me ajudando, posso ir até lá. - Eu vou ate lá Stella... Yumi, preciso da sua ajuda, mê de cobertura, vou lançar um ataque a distancia para depois ir até lá matar eles... E tomem cuidado! - Se a garota loba lançar uns tiros e animais para ir matando os snipers, já seria ótimo. Meu plano é tentar achar um lugar com o minimo de proteção possível, para em seguida lançar um ciclone em direção aos snipers, mesmo que o ataque dê errado, a nuvem de poeira gerada vai atrapalhar bastante a visão deles, com o ataque terminado, vou para o lugar onde eles estão correndo, caso seja necessário, vou pegar meu guarda chuva e abrir ele totalmente, para que sirva de escudo, além dos tiros, tenho que ter cuidado com destroços que possam vim em minha direção, por isso também vou usar meu haki da observação. Chegando no lugar onde os atiradores estão, vou usar o circulo da morte para matar qualquer um que ainda esteja vivo e já que estou por lá mesmo, vou dar um olhada melhor na situação com campo de batalha, se as coisas estiverem favoráveis, posso ate ficar atirando em marinheiros daqui, como eles estavam fazendo.
  10. Não seja igual a mim

    A dica do sensei foi cirúrgica e resolvi tenta uma coisa mais fácil. Repeti todos os processos do chakra, executo o jutsu e vejo ate a fumaça característica da técnica, mas não tinha nada lá, acabei ficando bem confuso sobre o que aconteceu, se tudo foi bem feito, então por que nenhum macaco apareceu? Segundo o sensei, era simples, eu não tinha feito nenhum contrato com os macacos ninja, era bem verdade que eu aprendi a fazer a técnica de invocação, porem, ela não servia para nada, já que eu não tenho um contrato com nada, meu próximo passo é resolver isso. - Entendo sensei, sua explicação realmente faz sentido, eu não tenho contrato com nenhuma especie de animal... Sobre outra coisa para aprender, eu gostaria de tentar o taijutsu dança da água, seria ótimo ter ataques que não envolvam explosões um pouco, eu vou me divertir muito com isso - Falei para ele animado, se tudo estiver de acordo, vamos logo começar o novo treino.
  11. [Loser's Town] Segunda Dose

    As nossas reações causaram efeitos adversos no grupo reunido pela ruivona, alguns não entenderam nada e ficaram zuando, outros ficaram com vergonha alheia e uma minoria, mostrou que tem cultura e comeram a entoar uma canção que combinava perfeitamente com a situação. Stella parecia não acreditar no que estava acontecendo, mas não disse nada e assim, seguimos nosso caminho ate o campo de batalha, era bom saber que todos estavam animados, assim como eu, era o momento de ter minha pequena vingança contra a marinha. O esquadrão inimigo tinha a vantagem numérica, não tinha chance do grupo reunido pela rainha ter uma vantagem nesse combate, mas ai no fim, isso poderia ate ser bom, se eu for bem nessa luta, posso até ser promovido e de quebra vou acabar com uns marinheiros, na teoria tudo estava perfeito, restava agora colocar em ação. - Deu pra ver Yumi, Koba é explosivo demais, não sei ate que ponto isso é bom - Falei concordando com a garota kemono. Agora não tinha mais o que fazer, era só ir pra cima e matar o máximo de marinheiros possíveis. Já estava de noite e a floresta ao lado ainda estava em chamas, quero evitar esse local se for possível, como a visibilidade está ruim, vou usar meu haki da observação para me orientar melhor, vendo o senpai e Yumi agirem, não posso ficar parado aqui se fazer nada, é hora de agir. Como ainda estou um pouco distante da linha de frente, vou apontar Myriad para os ceus e lançar um raio na direção dos marinheiros, vou evitar o lugar onde estão Koba e os animais de Yumi, porque logicamente isso só ia atrapalhar eles, terminando de lançar o raio, vou soltar uma sequencia de bolas de fogo e ir correndo em direção aos marinheiros.
  12. [Loser's Town] Segunda Dose

    - Entendo Yumi, o estilo com os animais de lã ficou bem mais legal - Falei para a caçadora de recompensas. Enquanto isso todos comiam o peixe incrível enquanto ficamos basicamente olhando a loli-chan e vendo o tempo passar, não posso reclamar muito dessa missão dada por Stella, mas já estava na hora de ir fazer outra coisa, ainda estamos sendo invadidos pela marinha. O tempo foi passando enquanto jogávamos um jogo de cartas que só serve pra causar discórdia e nada acontecia ate que de repente, Amami resolveu dar as caras, ele passou antes por nós e depois voltou, vai ver foi atrás das ordens da ruivona sobre o que fazer com Sayaka, era perigoso demais deixar ela aqui. A decisão foi levar Sayaka para o navio de Amami, me parece ser uma decisão lógica, lá teoricamente é mais seguro e apesar de eu não gostar muito do spades, não falei nada e apenas me despedi da loli - Ate mais Sayaka, tome cuidado com tudo e se precisar de ajuda, pode me chamar - Falei para a garotinha. De volta ao castelo do papa logo notei que Stella não estava brincando quando disse que ia fazer todos os preparativos, aquele lugar estava ate com um palco para que ela pudesse falar com todos os presentes, as pessoas ali pareciam tensas e não posso culpar ninguém, só a luta contra a marinha já seria uma coisa bem complexa, quando se soma a isso aliados nada confiáveis, ai está o resultado, só espero que os piratas não nos abandonem caso a batalha aperte, isso ia me deixar bem bravo, mas vindo deles, posso esperar qualquer coisa. Vestindo uma nova roupa de guerra, a rainha de espadas começou seu grande discurso e assim que ela começou, todos se calaram e ouviram o que estava por vir. Stella explicou bem o seu plano e logo vejo que Yumi e Koba estão bem animados, eu pego os tampões da garota loba e vejo ela fazendo uma pose digna de um certo anime, como não posso ficar para trás dos meus companheiros no quesito animação, resolvi ir junto de Yumi e fazer uma pose também. - Vamos lá matar esses marinheiros fdps!!!! - Grite junto dos outros, nosso grupo acabou ficando junto e temos que ir ate o centro da ilha e gerar o caos, tudo que eu queria, vou aproveitar e matar uns marinheiros enquanto isso, estou bem mais confortável por estar junto de Yumi e Koba, ambos são bem fortes - Pode deixar Senpai e você também Yumi, podem contar comigo se estiverem precisando de ajuda - Falei para os dois. Só esperar o grupo sair da casa do papa agora, porque eu estou pronto pra essa luta.
  13. Não seja igual a mim

    Na minha primeira tentativa acabei liberando uma quantidade muito grande de chakra, pela explicação do sensei, foi porque eu pensei em Enma na hora de fazer a invocação, o que acabou gerando uma quantidade acima do esperado de chakra, vou tentar seguir a dica e pensar em outro macaco, Enma realmente ficará no futuro. - Eu pensei no rei macaco, eu já vi meu avô o invocar algumas vezes, tentei pegar isso como referencia, mas vou tentar pensar em outro macaco agora - Falei para o sensei, assim que eu me concentrar, vou fazer a invocação novamente. No meu clã existe uma outra invocação, não é tão imponente quanto Enma, mas ainda é uma invocação poderosa, eu mesmo já o vi uma vez ou outra por ai, seu nome é Enra, um macaco bem menor e que teoricamente deve exigir menos chakra, não sei se ele está dentro das minhas possibilidades, mas vou tentar mesmo assim. Assim que eu me concentra em enra, vou começar a respirar calmamente, para em seguida repetir o processo da emissão de chakra na minha mão esquerda, assim da outra vez, espero que de certo agora.
  14. Não seja igual a mim

    - Vamos lá, estou pronto para começar - Falei de maneira animada para o sensei, pela primeira vez eu ia fazer uma coisa que eu realmente quero aprender, que é invocar macacos ninja que soltam bolas de fogo, mal consigo conter a emoção de aprender a invocar os animais característicos do meu clã. O sensei fez um clone das sombras e foi em direção a floresta, como não quero perder tempo, eu o segui imediatamente. Perto do penhasco tinha uma clareira, era um bom lugar para treinar e tinha bastante espaço. As instruções foram bem claras, eu só tinha que fazer tudo conforme foi dito por Tenma. - Entendi sensei - Falei para o espadachim clone das sombras. Primeiro eu fechei os olhos e procurei me concentrar em visualizar a minha ligação com os macacos, a referencia mais clara era Enma, eu já vi meu avô o invocar algumas vezes e desde então, é meu sonho fazer o mesmo, vou me concentrar no rei macaco para te-lo como referencia. Em seguida, vou concentrar a maior quantidade de chakra possível na palma da minha mão esquerda para depois fazer ele seguir o fluxo para cima. Vou tentar ficar o mais calmo que der, estou bem ansioso para isso dar certo e não quero me apressar agora, vou tentar controlar o ritmo do chakra com a minha respiração.
  15. [Loser's Town] Segunda Dose

    - Entendi senpai, deve ser um pouco nostálgico encontrar uma antiga colega da escola depois de tanto tempo. - Falei para Koba, eles se conhecem há muito tempo mesmo, Yumi nem tinha sua akuma no mi na época, queria ver como era seu estilo de luta, já que o atual é baseado nos seus poderes de lã, a garota loba devia lutar de um jeito bem diferente. Como já era esperado, eu sabia o que fazer na minha cabeça, só não tenho as habilidades necessárias para tal. A fogueira talvez tenha ficado um pouco mais forte que o normal e graças a isso, os peixes ficaram um desastre e a loli-chan vomitou tudo imediatamente, mas foi nessa hora que eu vi que ela era uma boa loli, bem diferente da sua tia saliente, Sayaka agradeceu o esforço e não comeu mais nada ate então, por sorte, a melhor cozinheira do pedaço tinha acabado de chegar e resolveu assumir a comida, com certeza ela vai fazer um prato INCRÍVEL!!! Enquanto isso, dou uma olhada rápida no jornal que Sayaka tem nas mãos, que mostrava um monstro com tentáculos horrível, a mãe da loli-chan resolveu usar isso para causar medo na garota e Yumi, parecia saber do que se tratava. - Que bicho é esse Sayaka-chan? Eu nunca ouvi falar sobre essa lenda - Perguntei para a loli-chan, quero saber mais informações sobre ele para evitar cruzar com um monstro de tentáculos no futuro. Perto dali Amami passava um pouco ferido, como se estivesse em uma luta, detalhe que ele nem passou aqui para falar com a gente, pela impressão que tive ate agora, não gosto nem um pouco dele, espero muito ficar no time de Stella na missão contra a marinha. Tudo isso foi o tempo necessário para a garota loba terminar de preparar os peixes, vou esperar todos ficarem juntos pra poder comer um pedaço de comida, além do mais, essa é a oportunidade perfeita para conversar um pouco sobre o que vem por ai. - Eu estava pensando aqui... Stella nos mandou cuidar de Sayaka, mas e depois? Não sei ate que ponto é seguro deixar uma garotinha na base da spades, a marinha pode atacar a qualquer momento - Falei para o grupo, a rainha de espadas estava terminando os preparativos para a nossa batalha e estou bem ansioso com isso para falar a verdade - Muito bom o peixe Yumi, está INCRÍVEL e como você lutava antes? Koba disse que você não tinha akuma no mi, fiquei curioso pra saber. - Conclui enquanto comia o pescado.