Jump to content
×
×
  • Create New...

Harper

Membro Mestre
  • Content Count

    1,554
  • Joined

  • Last visited

  • Days Won

    8
  • Points

    0 [ Donate ]

Other groups

Membro Expert

Harper last won the day on November 28 2020

Harper had the most liked content!

Community Reputation

599 Suprema

6 Followers

About Harper

  • Rank
    Arakawatard&Urasawatard
  • Birthday 12/16/1994

Informações de Perfil

  • Gênero
    Masculino
  • Local
    Indaiatuba-sp
  • Interesses
    Musica e mangas... um pouco de series, filmes e jogos.

Recent Profile Visitors

4,973 profile views
  1. Pouco pode fazer após sentir as auras inimigas pois em um instante de distração um tiro passou por suas defesas e acertou seu abdômen, fazendo o homem levar instintivamente uma de suas mãos e katana no local enquanto fazia uma expressão de dor. Contudo, sem ter tempo pra um drama maior, um corte de vento vinha em sua direção, direcionou seu olhar nada contente para o corte e posicionou a sua outra mão e espada para executar Yugeen e lançar um corte de vento, testaria sua habilidade contra a do inimigo afim de ver se teria algum equilíbrio na força. Se o ataque continuasse vindo em sua direção,
  2. Como já havia constatado anteriormente; ele estava testemunhando algo grande demais. Evidentemente não era um telespectador em uma cadeira cativa, então pouco pode prestar atenção pois seu foco estava em se manter vivo e desviar das flechas amarelas. Contudo, detalhes importantes não davam para ser perdidos por nenhum dos olhos presentes, sendo esses os monstros que apareceram da entidade vermelha e uma forma luminosa e peculiar do marinheiro, que o samurai só pode supor ser advindo de uma akuma no mi, diferente da revolucionaria ao qual ele ainda não sabia definir bem o que era e se era human
  3. A pessoa que o garoto conversava finalmente se mostrou sendo um velho frio e estranho que ignorava completamente a presença dos piratas. Paralelo a isso, a água que perseguia o samurai e que chegaria a qualquer momento foi subitamente parado por uma força desconhecida, seu olhar rapidamente voltou ao velho e entendeu que o mesmo não era normal, e isso começou a lhe preocupar, no entanto continuaram sendo ignorados, demonstrando claramente que a bagunça do arroxeado não era o motivo dele estar ali, o que deixou tudo mais alarmante. Finalmente outra figura apareceu no ambiente dando toda sua ate
  4. Seth Pink Nobunaga Informações Básicas Nome: Pink Nobunaga Idade: 23 Anos Gênero: Masculino Alcunha: Carreira: Pirata Grupo: Raça: Mink - Gato Sphynx Dinheiro: 9.175.000 berries + xxxxx Recompensa: Sonho: Se tornar o líder do mercado negro e do submundo. Passatempos: Cuidar da sua coleção particular e praticar suas habilidades de medicina e tortura. Aparência Personalidade Biografia Relacionamentos Tex Hugo - Mink Texugo-do-mel porra lou
  5. Mas é quase um dever mesmo. Um time mexicano até então nunca tinha ido até a final, e o titulo sempre ficou entre sul-americanos e europeus. O futebol pode ter nivelado nos últimos anos entre sul-americanos e outras confederações? Evidente, mas isso não quer dizer que deixa de ser um vexame para uma zoeira nacional (Vide como foi com Atletico mg e Inter)
  6. Não tem copinha, não tem mundial
  7. Após o garoto voltar a ativa e liberar o caminho, Hiden não pensou duas vezes e saiu correndo atrás pelos corredores, deu uma olhadela para trás pensando no morcego e no pirata, porém os mesmos não viam e tudo que ele pode fazer por eles foi uma expressão de tristeza e levantar de ombros. Hiden estava ficando para trás e via somente o rastro de sangue característico do arroxeado pelo caminho, sendo suas migalhas de pão pelo caminho. Ficou levemente irritado, o garoto era bem inconsequente e pouco se lixava para descrição. Quiçá fosse forte o bastante para não temer quem que encontrasse pela fr
  8. Naquele pouco tempo em que ficou na escuridão da dimensão dos poderes do garoto, Hiden sentiu-se incomodado com a falta de cores daquele local, talvez até cores frias fizessem o local melhor? Não, ai já era demais. Com pouco tempo pra trivialidades, uma explosão chamou sua atenção após a saída dos marinheiros e um jato de água tomou conta da entrada do portal, trazendo junto o corpo de um dos piratas que saiu. Inicialmente imaginou ser alguma maluquice do arroxeado, mas um akumado mexer com água não era coerente, então para sanar mais duvidas precisaria sair do portal, o que não lhe era o mais
  9. Novamente um lapso temporal se instaurou na mente do samurai que apenas ficou imóvel, perdeu o garoto fazendo suas peripécias, o que era um ponto positivo, mas também estava um pouco perdido com a situação. Com certeza ele precisaria cuidar desse possível começo de alzheimer. Hiden teorizava e montava um quebra-cabeças, um quebra-cabeças fácil na realidade; Os marines estavam submissos ao garoto pelo medo, igual aos piratas, e sobre o diálogo que ele presenciou era algum plano maluco que o garoto pensou pra se divertir e causar confusão. Ainda tinha detalhes mas a grosso modo a si
  10. Finalmente o garoto arroxeado estava livre e exibiu seu verdadeiro poder para todos os presentes. Hiden ficou estático e sua alma voou após a ação aonde poderia se encaixar um parágrafo enorme sobre o que ele pensou e sentiu, mas da para reduzir tudo em um pensamento meme. "O MALUCO É BRABO". Após se recompor da ressaca e voltar ao normal, o samurai ficou com um certo receio daquela cena, apesar de já tivesse participado de algumas batalhas em sua vida, aquilo ali parecia mais um filme de terror, e disso ele tinha medo, de qualquer forma deu passos lentos até ficar próximo dos piratas enquanto
  11. Após a chegada dos dois protagonistas e de suas ações, o lado branco da justiça ruiu diante dos piratas e agora o caminho estava livre para dominar a embarcação completamente, contudo a porta parecia reforçada o suficiente para tirar o ímpeto dos prisioneiros, e antes do samurai ir de encontro pra tentar corta-la, o arroxeado aceitava a ideia de ser liberto, acrescentando um pouco de diversão em um desafio. Provavelmente achariam a chave das correntes na sala dos carcereiros, mas qual a graça disso? Graça alias era o que o garoto fazia ao cuspir na Amaterasu, por alguns instantes o samurai fic
  12. A técnica do braço espada, criada na hora pelo espadachim e que em uma rápida reflexão poderia ser aprimorada para outros eventos problemáticos, foi o suficiente para lidar com o marinheiro e finalmente achar o que procuravam; o depósito. No primeiro momento ignorou o animal e foi de encontro com seus pertences, fato era que se sentia incompleto sem suas katanas e reencontra-las era um alivio. Conferiu o fio do corte por mera formalidade e as colocou de volta na cintura, finalmente compondo todo o traje de samurai fodão que o boneco era para passar. Findado seu pequeno ritual, Hid
  13. Finalmente estando livre das amarras opressoras que o prendiam, Hiden voltava a ter total liberdade dos seus membros que revigoravam um pouco de sua energia e entusiasmo. Como não conseguiu nenhuma informação ou arma, além de a opção dos dois fugir no sigilo era praticamente impossível, além de perigoso pro samurai, restava causar uma fuga atrás de caos nisso o samurai e o pirralho concordavam. - Se você já está no inferno só lhe resta abraçar o capeta. - Falava consigo mesmo. Ao passar pela porta, constatou que o corredor que estavam eram apenas um de tanto outros que tinham mais
  14. Como havia previsto, o impacto da música e do Haki afetou seus sentidos e comprometeu parte do seu plano, que durante os segundos de confronto sem os sentidos pode apenas contar com seu esforço e muita sorte para que as suas cabeçadas desajeitadas fizessem o guarda desmaiar. Apesar de triunfante e de pé, o rapaz permanecia inerte com seus sentidos bagunçados pelas cabeçadas, sabia que com certeza teria uma enxaqueca mais tarde mas esse não era seu maior problema agora. Hiden voltaria sua atenção ao marine e o empurraria com o pé junto de alguns chutes para tira-lo de cima do garoto roxo, que s
  15. Tão breve quanto o pirralho mostrou sua verdadeira personalidade, o sorriso e a calma sumiram do rosto do samurai. Uma sessão de xingos começou a cair encima dele enquanto apenas ouvia em silêncio e cabisbaixo, contudo uma veia saltava da testa estilo clichê de anime assim que terminava de ouvir o companheiro de cela. - Bem que eu desconfiei que você era um merdinha do caralho, seu shota aroxeado. - Hiden se referia ao piti sobre a cor predominante do boneco, pois na pseudo ciência do samurai, cores nunca mentem. - Vamos fazer essa merda pra ver o que acontece. - Seu tom notavelme