Jump to content
×
×
  • Create New...

[Vertigo] Ladrão que rouba ladrão tem 100 anos de perdão


Nie
 Share
Followers 2

Recommended Posts

O ataque foi efetivo e conseguiu dar fim em alguns guardas, entre eles aqueles armados com armas de fogo, por enquanto os tritões que recolhiam o kairoseki estavam seguros, não por muito tempo é claro, Angus sabia que em instantes os três guardas separados pela parede que ele ergueu conseguiriam enfim furar o bloqueio e o alvo primário dos homens seriam os tritões que trabalhavam já totalmente exaustos. Os homens-peixe não teriam chance alguma.

 

O que mais dificultava a situação era não ter suas armas a disposição, estava pronto para usar o mesmo truque que mais cedo, em meio a cortes e esquivas quando ouviu um barulho estranho que parecia vir das paredes, ou do chão, se concentrou em seu Haki para detectar o inimigo que estava desencadeando tal barulho, caso fosse um inimigo, sabia que o destino era uma criança maldosa brincando com formigas, assim sendo não duvidava do quão pior poderia ficar uma situação.

 

No entanto a surpresa por enquanto foi boa, viu Pandora se aproximar, de imediato percebeu que era Elizabeth quem controlava o corpo no momento e que a amiga não estava só, carregava Hime com ela, torcia para ela ter pego seus pertences também, iria facilitar as coisas para eles. Elizabeth poderia começar um ataque pelas costas dos soldados e diminuir ainda mais o número de inimigos. Continuou o combate enquanto esperava aproximação de sua amiga, conhecendo a personalidade que estava no controle, sabia que não iria demorar para acontecer.

 

Chegando a Angus, Beth entregaria as armas para o habitante do céu, com um código de ação que Angus entendeu de imediato, pegou suas espadas, e desembainhou a lamina branca da Sacred Light para atordoar e cegar todos ali, com exceção dele e Beth que estariam de olhos fechados, quando guardasse a lamina novamente esperava que todos estivessem sofrendo os danos da arma, Angus avançaria para atacar novamente, agora com apoio de Elizabeth poderiam terminar de abater os guardas rapidamente, além de ter a chance de abandonar aquela luta no momento que os três rompessem a parede, nesse instante Angus iria avançar com um Shumpo até os três para frear o avanço contra os tritões, os cortes que aplicaria seriam rápidos e buscaria atingir pontos vitais, para dar um fim de vez a luta.

 

Spoiler

Nome da Arma: Sacred Light
Rank: B

Aparência: Sacred Light é uma espada de gume duplo, com um metro de fio e quinze de empunhadura, aparenta ser uma espada extremamente pesada, porém apenas aparenta. A espada foi feita para ter uma aparência pura, divina. O gume duplo é fino e afiado, tendo um corte limpo, e por mais que cause dano, parece impossível a espada ficar suja, tanto de sangue quanto qualquer outra coisa. A espada é carregada no meio das costas de Angus

Mecanismo: A espada que era uma dos tesouros da ilha de Angus possui um mecanismo simples, ela emite, interminavelmente, uma luz branca extremamente forte que ofusca e incapacita qualquer um de olhar para ela, essa luz não se apaga e é apenas escondida quando a espada é embainhada.

 

 

Nome da Técnica: Shumpo    

Tipo de Técnica: Combate

Descrição: Angus canaliza sua força para as pernas, fortalecendo seus membros inferiores e dessa forma conseguindo um aumento explosivo em sua movimentação, assim que inicia o movimento ao usar essa técnica, Angus desaparece e volta a aparecer novamente em outro lugar, pode ser usado para desviar de um ataque, para atacar ou apenas para se mover mesmo.

 

 

 

X787trZ_d.webp?maxwidth=760&fidelity=gra

There was nothing to fear and nothing to doubt.

Link to post
Share on other sites
  • Replies 53
  • Created
  • Last Reply

Top Posters In This Topic

Top Posters In This Topic

Popular Posts

♠ 4° Turno ♠   - Confesso que brincar com três não é lá muito a minha praia, mas respeito a sua opção de seguir por esse caminho. Só toma cuidado para não acabar se ferrando quando alguma das duas moças tentar fazer alguma gracinha com você. - O tatuado respondeu Angus de maneira debochada antes de deixar escapar um risinho cínico. Logo em seguida ele se dirigiu até o javali que havia abatido, pegou-o e enquanto seguia seu caminho para perto do trio ele continuou falando. - Eu não vou

♠ 13° Turno ♠   Agindo conjuntamente, os dois caçadores de recompensas começam à revidar as ofensivas inimigas. Primeiramente, já sabendo que a ameaça mais eminente era de fato a dupla de espadachins, tanto Angus quanto Pandora optam por encarar o perigo de frente, desferindo seus próprios ataques após saírem da trajetória das estocadas com relativa facilidade. Como resultado, o alvo de Angus se torna uma pilha de cubos e o guarda acertado pela moça acaba sendo jogado contra o ataque d

♠ 18° Turno ♠   Curiosa com relação aos barulhos advindos da mina, a facachim decide usar seu HdO para procurar alguma pista a respeito daquele som, mas seu Haki acaba não detectando nenhuma aura, então ela acaba sendo forçada à focar sua atenção em problemas mais imediatos.   Assim, optando por se aproveitar a vantagem injusta que tinha por causa de sua posição, Elizabeth avança contra seu inimigo, matando alguns deles com golpes únicos antes que eles finalmente notassem que

 18° Turno ♠

 

Curiosa com relação aos barulhos advindos da mina, a facachim decide usar seu HdO para procurar alguma pista a respeito daquele som, mas seu Haki acaba não detectando nenhuma aura, então ela acaba sendo forçada à focar sua atenção em problemas mais imediatos.

 

Assim, optando por se aproveitar a vantagem injusta que tinha por causa de sua posição, Elizabeth avança contra seu inimigo, matando alguns deles com golpes únicos antes que eles finalmente notassem que estavam atacados por trás. Nesse momento, ao som do brado de um dos seguranças, todos se viraram para trás para lidar com uma ameaça mais imediata do que o grupo de mineradores. Contudo, nesse momento, uma luz forte e repentina se fez presente naquele túnel, cegando a maioria dos presentes.

 

Com um de seus sentidos cerceado e estando incapazes de expressar alguma defesa efetiva, não foi muito difícil para a dupla matar todos os inimigos presentes ali, incluindo o trio anteriormente preso por Angus. No fim, tudo havia ocorrido como planejado.

 

- Vocês tem uns truques bem sujos na mangá...parecem até piratas. - Rodeado de corpos, Lula se manifestou enquanto esfregava seus olhos com as costas de sua mão. Os outros tritões faziam o mesmo para recuperar sua visão.

 

- É o sujo falando do mal lavado então. - Lagartixa também se manifestou e jogou o tritão revolucionário no mesmo "balaio" de seus aliados por lutar usando restos de comida. - Enfim, agora que matamos esses daí, devemos ter algum tempo para terminar de extrair o Kairoseki. - Ao término de sua frase, o caçador começou à auxiliar no recolhimento da Pedra do Mar juntamente dos outros homens peixes. Eventualmente, com a ajuda de um homem forte e saudável, eles conseguiram colocar uma quantia decente do material nos carrinhos de mão.

 

Enfim, passados alguns segundos todos que podiam colaborar na tarefa começaram à levar os carrinhos de mão rumo à posição indicada conjuntamente por Lula e Javier. Contudo, em dado momento, os barulhos advindos da mina se intensificaram e em pouco tempo uma espécie de homem-toupeira saiu de dentro das paredes, juntamente de Vicente, o tritão tubarão, que estava sendo carregado pelo rapaz.

 

- Ah, então são vocês que estão fazendo arruaça na minha mina ? Pensei que fossem mais velhos, considerando a quantidade de guardas que já abateram. - Enquanto falava, suas unhas afiadas atacam as paredes presentes no corredor aonde o grupo estava, fazendo com que uma grande quantidade de Kairoseki desmoronasse e criasse uma parede que separava Sophie, Angus e as duas novas caras do resto dos fugitivos, que estavam indo na frente e acabaram ficando do outro lado da parede. - Enfim, acho que a idade de vocês não faz diferença. Agora se me permitem, deixem-me testar minha nova invenção no nosso amiguinho aqui. - Ao término de sua fala, ele tirou de seu bolso uma injeção e a enfiou no pescoço do tritão, que num primeiro momento aparentava estar desacordado. Contudo, após pouco tempo, o homem peixe acordou após seus músculos se enrijecerem enquanto o homem toupeira adentrava novamente numa parte da parede que não tinha Kairoseki. Pelo visto, se tratava de uma droga para fortalecer as habilidades físicas de alguém, mas que provavelmente tinha algum preço.

 

Estando de frente com os dois protagonistas, e com Hime, que estava sendo carregado por Elizabeth, Vicente decidiu avançar com uma investida contra as pessoas na sua frente, como se fosse uma fera propriamente dita. Enquanto isso, o homem toupeira, como sentido por Angus, movimentava-se ao redor dos caçadores, provavelmente esperando uma brecha para fazer seu próprio ataque.

 

- Eu conheço essa voz ! É Morghus, o chefe dessa mina ! - Lula exclamou enquanto ele próprio e os outros tentavam abrir um buraco na parede escombros criada pela toupeira. Infelizmente, eles não tiveram sucesso algum, já que aquele obstáculo havia sido montado com precisão e com Kairoseki de muito boa qualidade.

 

_____________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

 

Não consegui linkar a imagem do homem toupeira, então coloquei ela no spoiler abaixo.

Spoiler

50854971f0906997f601185519a8d189.jpg

Sobre o corredor que vocês estão, ele é um tanto apertado, então algumas ações não são exatamente possíveis. Isso sem contar que o desmoronamento controlado que o Morghus fez deixou o lugar bem estável. Já a Hime continua desacordada.

 

Sobre a posição de vocês, eu to com preguiça de usar o paint, mas é basicamente isso aqui :

 

Morghus

                                                                                                                                                               

 

 

 

Vocês e a Hime ------------------- Vicente //////// Lula, Lagatixa e cia 

 

 

 

  • Like 1

Słodki Flirt, gra, w której podrywasz chłopaków i umawiasz się na ...

Link to post
Share on other sites

Com a chegada de Elizabeth e com seus pertences mais uma vez, foi fácil dar cabo dos soldados restantes, a estrategia funcionou e a luz branca foi o a última coisa vista pelos guardas, ou ao menos para a maioria deles. Angus guardou suas armas após terminar a luta, sentia-se muito melhor portanto suas espadas, sentia estar pelado sem elas, até sua confiança aumentou. Olhou para Javier e Lula, os dois também tinham sofrido a perda de visão momentânea causada por Angus, o homem-peixe resmungava sobre as táticas de Angus e Elizabeth enquanto coçava os olhos, Lagartixa saiu em defesa dos dois para surpresa de todos.

 

- Não podemos demorar, vamos continuar.  

 

O trabalho de pegar a pedra do mar não demorou para ser feito, todos ajudaram e dessa vez sem contratempo uma boa quantidade foi posta nos carrinhos e rapidamente o grupo avançou pelo túnel, o barulho preocupava Angus, mas não havia o que ser feito se não continuar com o plano, porém os bons ventos acabaram quando enfim a causa dos barulhos decidiu se mostrar. Uma toupeira se projetou para fora da parede do túnel, a tiracolo carregava um homem-peixe, o último era familiar a Angus, havia visto ele lutar mais cedo na rebelião do Lula.

 

O homem toupeira tinha um ar de autoridade e usava um uniforme, ficou claro que era do alto escalão da mina, não parecia preocupado ou com raiva de ter perdido tantos homens ou de ter sua mina invadida, ou talvez disfarçasse bem. O que o homem sentia não era importante no momento, claramente estava ali para dar um fim a excursão Spades à mina da Marinha. Injetou algo no tubarão que o fez acordar e seus músculos enrijecerem, nesse momento Angus olhou para Elizabeth, esperando algum comentário explicativo.

 

Desembainhou a Ishkur prevendo o obvio; teriam que lutar contra o homem-peixe descontrolado, já homem-toupeira se enfiou novamente na parede, porém Angus conseguia sentir-lo a espreita, pronto para atacar. Não poderiam dar a abertura que ele esperava, tentou sentir a força do toupeira, tentando saber se era mais forte ou mais fraco que si mesmo.

 

- O cara toupeira esta esperando uma oportunidade de nos atacar, não esqueça dele - 

 

Falou para Elizabeth, sabia que a amiga não tinha um Haki que ajudaria muito, por isso daria cobertura a ela. Após o toupeira entrar na parede, o tubarão deu inicio a luta avançando diretamente contra eles, Angus iria esquivar e se afastar do homem-peixe, não optou por contra-atacar de imediato porque lembrou-se da lista que furtou do guarda, nela tinha as características e fraquezas dos homens peixes, tentaria se lembrar do que leu, caso não conseguisse iria olhar o papel que carregava. Estaria "de olho" no toupeira caso tentasse usar esse momento para atacar, já sobre Vicente, Elizabeth poderia segurar ele por dois segundos 

 

 

 

X787trZ_d.webp?maxwidth=760&fidelity=gra

There was nothing to fear and nothing to doubt.

Link to post
Share on other sites

NSkB4o9.png

 

Resolvido os problemas que cercavam o grupo, Elizabeth guardava sua Soul Tear, entregava a espada restante para Angus e todas as bombas e instrumentos do Lagartixa, se sentindo mais leve com isso. Como também não podia tocar nas pedras do mar, só podia fazer o papel de segurança, assegurando a integridade daqueles que podiam. O comentário de Lula seria extremamente mal visto por Pandora, fazendo-a se sacudir por dentro e fornecendo uma dor de cabeça para Elizabeth, tendo-a que conter para não arranjar confusão desnecessária e atrapalhar a missão. - O estilo de luta não se relaciona com a carreira, Lula-san.

 

Com os carrinhos carregados com uma quantidade suficiente, ajudou no avanço do tunel simplesmente empurrando os carrinhos, desde que não houvesse contato direto com kairoseki - agora só restava abrir o buraco e fugir dali. Porém, o ruido anterior aumentava e logo, saindo da parede, duas figuras se apresentavam e Elizabeth conhecia o tritão - havia visto-o pelos olhos de Pandora. Como era de se esperar, não se importou muito com as provocações do oficial de alto escalão, estava mais interessada no conteúdo da seringa.

 

- É uma droga clássica de aprimoramento de desempenho. - explicou à Angus ao notar o olhar dele - As habilidades físicas dele foram aprimoradas, então tenha cuidado. Depois de um tempo perde a eficácia e o usuário sente efeitos colaterais consideráveis, contudo ele parece estar sendo controlado, o que é bem curioso. - seria a mesma droga responsável por isso? Ficou interessada em saber a composição da substância.

 

O mais importante é que não havia muito espaço, não podia voar usando assim seu estilo de luta no seu primor. Também não conhecia as capacidades aprimoradas do novo inimigo, portanto decidiu tomar atitudes mais seguras e abriu os braços, fazendo-os borbulhar de fogo se transformando na forma híbrida. Mesmo que não houvesse espaço para abrir as asas, pelo menos, usaria sua força máxima para comparar com a do tritão. Ao passo que o oficial entrava nas paredes, Angus dava seu aviso. - Conto com você. - era bem claro para os dois que Elizabeth não podia prever os ataques dele, nem senti-lo. Ao mesmo tempo, Angus era mais ágil. - Me mantenha informada. - se referia ao segundo inimigo, mas também ao plano de Angus, caso ele tirasse o papel roubado anteriormente.

 

Com o tritão à sua frente, iria a seu encontro, pronta para dar um chute no homem usando Bomba Atômica, com a perna do chute paralela ao chão e assim mandá-lo para trás. Gostaria de ver quem ganhava aquela queda de braço e assim agir de acordo. Caso perdesse iria usar o boneco de posto, enviando cortes de ar com suas pernas.

 

Spoiler

Nome da Técnica: Dai Nana-kyoku: Genbaku. [Sétimo Cântico: Bomba Atômica] - Ataque Crítico - Força   

Tipo da Técnica:  Combate, Haki e Akuma no mi

Descrição: Bomba Atômica consiste simplesmente em um potente chute ao concentrar toda a força dos musculos em um movimento. No contato com uma superfície ou um alvo, o impacto produz um barulho de "BOOM" alto que não possui nenhum efeito adicional e que foi inspiração para o nome da técnica. O pé pode ser revestido com o haki do armamento, bem como pode ser usado na forma híbrida, aumentando seu poder naturalmente.  

 

Nome da Técnica: Dai Kyuu-kyoku: Yūbin Haitatsuin. [Nono Cântico: Boneco de Posto]     

Tipo da Técnica:  Combate e Haki

Descrição: Tendo bom controle do corpo, o usuário se movimenta de modo ágil e gracioso com o objetivo de se esquivar de ataques ou projéteis, executando movimentos diferentes e improváveis para alguém que não treina seu corpo e estilo de luta, segundo agilidade. Associada com o Haki da Observação, a técnica pode ficar mais eficaz.    

 

  • Like 1

QzZDJgI.png

 

 

Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

 Share
  • Recently Browsing   0 members

    No registered users viewing this page.